Você consegue imaginar que as árvores têm capacidade de se comunicar?

Standard

O engenheiro florestal alemão Peter Wohlleben depois de décadas de estudo, defende a tese que as arvores se comunicam. O cientista afirma que as raízes das árvores transmitem impulsos elétrico-químicos semelhantes aos que ocorrem no nosso cérebro, formando embaixo da terra uma rede de comunicação surpreendente entre elas.

Através de códigos bioquímicos, árvores reconhecem a necessidade de alimento das demais (seiva entre outros elementos extraídos da terra e do ar).

Wohlleben afirma: “ O que nós chamamos de árvore é apenas o que é visível na superfície, no entanto, a maior parte da sua vida se encontra subterrânea”.

(Engenheiro florestal e pesquisador alemão Peter Wohlleben – é autor do livro “A Vida Secreta das Árvores”)

As árvores nos fornecem o oxigênio no processo de fotossíntese; aumentam a umidade do ar graças à evapotranspiração; evitam erosões;  reduzem a temperatura e fornecem sombra e abrigo para nós humanos e para diversas espécies de animais.

Em virtude da expansão rural e urbana, as árvores são constantemente exterminadas, o que resulta em grandes áreas desmatadas. O desmatamento afeta diretamente a vida de toda a população humana e animal, entre outros danos ambientais, o   assoreamento de rios, a redução do regime de chuvas; a desertificação e a perda brutal da biodiversidade.

Se não conservarmos a floresta amazônica em especial e, outras mais espalhadas pelos estados brasileiros, deixaremos de contribuir enormemente na luta mundial contra a crise climática.

Historicamente, as queimadas estão ligadas ao desmatamento para a expansão agropecuária. Queimar a floresta tem sido uma das técnicas mais usadas para converter o solo para a agricultura e pecuária. As queimadas são iniciadas como método legal e controlado, mas muitas fogem do controle do homem e se tornam incêndios criminosos.
O impacto imediato dos incêndios na biodiversidade causa a morte de milhares de animais e muitas plantas que habitam as nossas florestas.
As árvores são seres vivos, sentem os impactos naturais como a ventania e os impactos não naturais como os incêndios. As arvores relacionam-se entre si através do seu maravilhoso e secreto universo; e com a humanidade generosamente na preservação das nossas vidas.

21 de setembro comemoramos o dia da árvore, com o objetivo de conscientizar, especialmente as crianças e os adolescentes da importância da preservação das árvores e da proteção do meio ambiente.

 

 

P Gratz

Setembro 2019

GEISA – PAIXÃO POR PESSOAS

Standard

A menina Geisa foi muito desejada; seus pais já tinham sido presenteados com dois filhos meninos e aguardavam ansiosos por uma menina que nasceu em 13 de maio, dia da Abolição da Escravatura, data em que a princesa Isabel assinou a Carta Magna oficializando a libertação dos escravos. Coincidência ou não, o fato é que Geisa tem um interesse especial pelas pessoas e suas causas sociais.

Em 2015 concluiu o curso técnico em Nutrição, motivada pela expectativa de contribuir na qualidade de vida das pessoas.

No entanto, foi como jovem aprendiz em empresa multinacional americana de tecnologia da informação que Geisa iniciou sua vida profissional; fase de muitos desafios e aprendizagem; foi nesta empresa que pode dar início a sua carreira e construir caminhos para chegar até a sua segunda experiência – Proativa RH.

Disse que na equipe de Administração de Pessoal da Proativa pode “re-significar-se” como profissional de recursos humanos.

Embora atualmente atue na área de administração pessoal, diz ter tido a oportunidade de contatar e orientar colaboradores ou prestadores de serviço; completa seu raciocino na certeza de estar no lugar certo para buscar seus objetivos futuros, ou seja, aprofundar-se nos temas generalistas de RH e talvez cursar Psicologia ou Psicopedagogia.

 Este ano graduou-se em Gestão de Recursos Humanos pelo PROUNI (Programa Universidade para Todos) com bolsa integral; palavras da Geisa: ”Foi uma das minhas maiores conquistas da vida”.

Geisa finaliza com uma frase que segundo ela, descreve perfeitamente o prêmio de Colaborador Destaque e tudo mais que tem vivenciado na Proativa…

        “Quando você muda, experimenta sensações novas e muitos temem as sensações novas. Por isso, muita gente não arrisca, nem sai da zona de conforto. Talvez esse desconforto seja o primeiro passo para levar você à realização de seu sonho. Afinal, não há como, sempre, dar um passo sem segurança. Você precisa confiar que terá ar para respirar, mas nem pensa nisso durante o seu dia. Da mesma forma, você tem que confiar que as coisas acontecerão da maneira que abrirão os seus caminhos em direção aos seus sonhos.”